Alta comissária da ONU diz que Talibã quebra promessas de respeitar mulheres

Alta comissária da ONU diz que Talibã quebra promessas de respeitar mulheres

A alta comissária da Organização das Nações Unidas (ONU), Michelle Bachelet, afirmou que o Talibã não tem seguido a promessa de respeitar o direito das mulheres no Afeganistão. Ela ressalta que o país tem vivido uma fase “perigosa”. A afirmação foi dada nesta segunda-feira (13/9), em reunião do Conselho de Direitos Humanos da ONU. Durante o discurso, Bachelet afirmou que mulheres e grupos étnicos e religiosos temem a ação do grupo no país. Em nota sobre a reunião, publicada na página oficial do Conselho de Direitos Humanos da ONU, a organização afirmou que “relatórios bem fundamentados indicam que a prática contradiz os compromissos” feitos por lideranças do Talibã de respeitar as mulheres.